Olá a todos os amigos da Astronomia. De nossa Cidade pudemos observar um incrível fenômeno astronômico chamado eclipse lunar. Desta feita parcial, visto que, no início desse mesmo ano, tivemos a sorte de presenciar um eclipse lunar total. O Centro de Estudos Astronômicos de alagoas (CEAAL), se preparou para observar esse belo espetáculo celeste. Dias antes do eclipse decidimos que iríamos cobrir o evento de nossa sede na Usina Ciência no bairro do Farol. Na véspera, estudamos as estratégias para cobrir o eclipse: Número de sócios que iriam atuar, o que iram trazer (instrumentos, lanches, etc), que horas chegar, onde precisamente a Lua iria surgir no horizonte visto do mirante da Usina Ciência. Vale ressaltar que, na véspera do eclipse, o céu estava limpíssimo… Mas, e no dia seguinte? Como estaria?

O dia do eclipse lunar, 16/07/2019 amanheceu nublado e com chuvas ocasionais durante o período da manhã, o que nos deixou preocupados quanto à observação do mesmo. Consultamos os aplicativos meteorológicos que davam, para hora do eclipse, precipitação zero e sem nuvens. Isso nos animou mais para a cobertura desse magnífico evento. A imprensa local, começou a telefonar para nós, buscando mais informação sobre o acontecimento celeste e, Romualdo, Presidente do CEAAL deu várias entrevistas para os seguintes veículos de imprensa: TV Gazeta, Gazetaweb, Jornal Tribuna Independente, TV Pajuçara e TNH1 :

https://gazetaweb.globo.com/portal/noticia/2019/07/maceioenses-se-preparam-para-conferir-o-eclipse-lunar-nesta-terca-feira-_80944.php

https://www.tnh1.com.br/noticia/nid/eclipse-lunar-ocorre-nesta-terca-maceio-tera-evento-de-observacao/

http://g1.globo.com/al/alagoas/bom-dia-alagoas/videos/t/edicoes/v/muita-gente-acompanhou-eclipse-lunar/7771456/

https://globoplay.globo.com/v/7769233/

Eclipse lunar atrai espectadores em Maceió

Entrevista ao vivo do Romualdo no ALTV meio-dia 16/07/2019 esclarecendo dúvidas sobre o eclipse lunar

Bom, o tempo foi passando e o céu, por volta do meio-dia, estava limpo, como no dia anterior e isso nos animou ainda mais, visto que, Julho, em nossa cidade, faz parte da chamada quadra chuvosa. Romualdo foi o primeiro a chegar à usina Ciência às 16:15, junto com sua filha Júlia Gabriela. Começou logo a montar o telescópio MEADE de 8″ com câmera ASI 1600 mono acoplada ao mesmo e ligada a um notebook para gravar o eclipse. Aos poucos os demais sócios do CEAAL (Ernande, Lucas Morais, Zilma e Nicole, Laura, Jonathan, Emileide, Betânia e José Sobrinho), além dos primeiros visitantes e a imprensa local, começaram a chegar. Vale ressaltar que o céu estava limpíssimo, sem nenhuma nuvem, igual ao dia anterior.

MEADE com ASI monitorando o Eclipse e visitantes observando pelo notebook

Ernande armou um telescópio refrator com acompanhamento e acoplou uma máquina Canon para filmar e transmitir ao vivo em nosso canal no You Tube: https://www.youtube.com/watch?v=kYz2_xN6EO8

Tal transmissão pelo You Tube foi um sucesso, recebendo visitantes do mundo todo e os sócios do CEAAL que não puderam ir ver conosco o eclipse, ajudaram de suas residências respondendo às perguntas dos internautas (Paulo Coutinho e Eduardo Lima, sócios do CEAAL responderam com muita competência). Outros sócios também contribuíram com belas fotos de onde eles estavam, por exemplo: Aloísio Jr (Numa fazenda próxima à cidade de Batalha, sertão de Alagoas), Fábio Leucas ( praia de Jatiúca, Maceió),  Um sócio do CEAAL registrou num voo comercial, nas proximidades do litoral norte de São Paulo, uma bela imagem e David Duarte, de sua residência, registrou como sempre, uma magnífica imagem da Lua, através de seu telescópio.

 Foto do Eclipse por sócio do CEAAL num voo comercial; Foto da Lua eclipsada por David Duarte, Foto da Lua nascendo na praia de Jatiúca por Fábio Leucas, Fotos na fazenda na região de Batalha, sertão de Alagoas por Aloísio Jr. e telescópio do David pronto para registrar o evento.

Os demais sócios presentes à nossa sede da Usina Ciência, se desdobravam para preparar os instrumentos, receber os visitantes e à imprensa. Foram mais de 150 visitantes que aproveitaram o final da tarde e início da noite, sem nenhuma nuvem para atrapalhar e observaram através de nossos telescópios – 5 telescópios, sendo 3 para observação visual e dois para gravações – a Lua eclipsada parcialmente. Foi um espetáculo magnífico… A Lua surgiu eclipsada e, graças ao céu incomumente livre de nuvens nesta época, acompanhamos desde às 17:20 onde registramos uma foto que o amigo Marcelo Zurita, da Associação Paraibana e Astronomia (APA) e também da BRAMON, batizou-a de As Sombras da Terra. O mirante da Usina Ciência foi ficando repleto de visitantes com muitas crianças interessadas no assunto (vejam as entrevistas nos links acima), sócios do CEAAL participando com muita disposição, além de céu límpido. A imprensa também registrou conosco o evento e fez entrevistas no local.

 Foto do início do eclipse por Romualdo Caldas (Sombras da Terra).  Visitantes observam o fenômeno

Vista do pátio e o grande fluxo de vistantes.                                            Todos observando o eclipse

 Registrando a imagem da Lua pelo Telescópio

Sócios do CEAAL observam, auxiliam os visitantes e posam para fotos.

Equipe da TV registra observações

 

 

Acompanhamos o eclipse até o final da fase parcial e ficamos até a metade da fase penumbral quando começamos a guardar os equipamentos, por volta das 20:20 felizes com uma noite inesquecível onde tudo deu certo: Céu limpo do começo ao fim do eclipse, sócios participando ativamente seja em nossa sede ou de onde estavam, imprensa divulgando, muitos visitantes na Usina Ciência, além de que, pela primeira vez, transmitimos um eclipse ao vivo de Maceió-AL para o mundo através de nosso canal no You Tube: https://www.youtube.com/watch?v=kYz2_xN6EO8 graças ao sócio Ernande.

Equipe do CEAAL presente durante o eclipse

Agradecemos a todos os sócios que participaram deste eclipse lunar parcial seja na nossa sede, seja em suas residências, no ar, no sertão, na praia ou respondendo às perguntas dos internautas em nosso canal. Obrigado a todos. O CEAAL é mais forte quando estamos juntos. Obrigado também aos veículos de imprensa que ajudaram a divulgar o evento e nosso especial agradecimento à Usina Ciência que nos apoia desde 1991. Até o próximo evento, dia 11 de Novembro com o Trânsito de Mercúrio pelo disco solar.

 

Leave A Comment